Série times históricos: Flamengo de 1981

É praticamente impossível iniciar nossa série sobre times históricos sem falar do mítico Flamengo 1981. Com nomes como Zico, Júnior, Figueiredo e Nunes, o time encantou e marcou uma geração.
12fla28

Libertadores de 1981


Campeão Brasileiro de 1980 em cima do Atlético Mineiro, quis o destino que os clubes se reencontrassem na fase de grupos. O equilíbrio entre as equipes foi tanto que além dos dois empates em 2 a 2 os clubes terminaram com o mesmo número de pontos, forçando pelo regulamento do campeonato, um terceiro jogo.

No jogo de desempate no Estádio Serra Dourada em Goiânia. O Flamengo foi declarado vencedor do jogo pois o Atlético Mineiro terminou o jogo apenas seis jogadores devido a expulsões de Éder, Reinaldo, Chicão, Palhinha e Cerezo, pelo árbitro José Roberto Wright. A confusão começou após Reinaldo ter sido expulso por ter feito falta dura em Zico sem ter recebido previamente cartão amarelo.
joserobertowright_atletico_flamengo_glo.jpg_950
Na época, as semifinais da competição eram em formato de dois grupos com três times, com o melhor de cada indo para a final. Com quatro vitórias em quatro jogos, o Flamengo atropelou o Deportivo Cali (COL) e o Jorge Wilstermann (BOL). Garantindo, assim, sua vaga para a final contra o Cobreloa (CHL).

No primeiro jogo da final, vitória do Mengão por 2 a 1 no Maracanã, com dois gols de Zico. No segundo jogo, em Santiago, o time sofreu seu único revez na competição, com muita catimba e pressão do adversário dentro e fora de campo, acabou perdendo por 1 a 0.

Como os dois jogos terminaram empatados, um terceiro jogo foi realizado no Estádio Centenário, em Montevidéu. Sem a pressão da torcida chilena, o Flamengo venceu os chilenos por 2 a 0, novamente com dois gols de Zico. O jogo ainda teve uma cena curiosa, no final do jogo o técnico Carpegiani colocou em campo o jogador Anselmo com o intuito de se vingar de Mario Soto, que tinha agredido Adílio e Lico em Santiago. Anselmo entrou, acertou Soto deu com um soco e saiu correndo. Com nocaute em Soto o Flamengo conquistou o principal torneio do continente. Zico foi o artilheiro da competição, com 11 gols.
1981_Fla-x-Cobreloa-Jogo-1

Campeonato Carioca


Com uma expressiva vitória sobre o Botafogo por 6 a 0, tudo ia bem. Contudo no mesmo mês, uma tragédia para o clube: o ex-técnico Cláudio Coutinho, morreu enquanto mergulhava. O time agora devia vencer o carioca por ele. No dia 6 de dezembro, uma semana antes de disputar o mundial, o Mengão venceu o Vasco por 2 a 1 e conquistou o título estadual. Fazendo mais de cem mil pessoas cantaram o nome de Cláudio Coutinhono final da partida, emocionando a todos.

Mundial


blogols-flamengo-camisas-guerron-flu-ldu-libertadores-2008-thumb
Disputando o Mundial contra o Liverpool da Inglaterra. O time inglês estava em um momento brilhante, e disse desconhecer o Flamengo. Então logo as 13 minutos de jogo, o rubro-negro se apresentou. Zico lançou Nunes, que viu a saída do goleiro Grobbelaar e, ainda fora da grande área, o encobriu para abrir o placar. O “Artilheiro das Decisões” saiu para comemorar antes mesmo de a bola entrar.

Aos 34 minutos, McDermott derrubou Tita na entrada da área, Zico cobrou a falta. Grobbelaar rebateu e na sobra, Lico bateu e o zagueiro Thompson cortou e Adílio estufou a rede, colocando o 2 a 0 no placar.

Ainda aos 41 minutos, em um lance parecido com o primeiro Gol. Zico lançou novamente para Nunes, que avançou e bateu na saída do goleiro. Atônitos e sem força para reagir o Liverpool apenas se defendia e os craques do Flamengo apenas tocavam a bola de pé em pé, esperando o tempo passar. Final de jogo e festa no Brasil, o clube mais popular do país conquistava o Mundo. O Flamengo campeão do mundo. E os ingleses, acabaram conhecendo, na marra, o clube brasileiro.