A Mitológica Guerra de Troia

A guerra de Troia foi um conflito entre o exército Grego e a cidade de Troia. Um dos eventos mais importantes da mitologia Grega, narrada por diversas obras, sendo a mais importante a Ilíada de Homero.

A ninfa do mar, Tétis, era desejada por Zeus e por Poseidon. Mas o titã Prometeu relatou uma profecia em que o filho de Tétis seria maior que seu pai, com o intuito de enfraquecer o filho, Zeus resolveu dá-la como esposa a Peleu, um mortal já idoso. Desse casamento nasceu Aquiles, que sua mãe na tentativa fazê-lo imortal, o mergulha no rio Estige, o segurando pelo calcanhar, deixando essa a única parte de seu corpo vulnerável.

Todos os deuses foram convidados para o casamento de Peleu e Tétis, menos Éris, que ofendida, deixou à mesa das deusas Hera, Atena e Afrodite um pomo de ouro com a inscrição “À mais bela”, causando discórdia entre as deusas. Zeus que não quis interferir na disputa, ordenou que o príncipe troiano Páris resolvesse a disputa. Atena ofereceu a Páris poder na batalha e sabedoria, Hera ofereceu riqueza e poder e Afrodite, o amor da mulher mais bela do mundo. Páris deu o pomo a Afrodite, ganhando sua proteção e o ira das outras deusas contra si e Troia.

Páris indo a Esparta, se apaixonou e fugiu com Helena, a mulher mais bela do mundo e esposa de Menelau, rei de Esparta. Enfurecido Menelau junto com Agamenon, Rei de Micenas e de toda a Grécia, atravessou o mar Egeu com um exército de mil navios para atacar Troia. Levando consigo Aquiles.

Aquiles se apaixonou pela escrava Briseida. Agamenon que havia perdido sua escrava ordenou que buscassem Briseida para si, enfurecendo assim Aquiles, que se recusou a lutar a partir de então. Enfraquecendo o exercito Grego. Com as tropas à beira da completa destruição, Pátroclo, primo de Aquiles, passou a vestir armadura e usar o carro de batalha de Aquiles. Pátroclo obteve sucesso ao expulsar os troianos das praias ocupadas pelos gregos, porém acabou sendo morto por Heitor, príncipe de Troia, antes que pudesse organizar o contra-ataque à cidade de Troia.

Furioso com a morte de Pátroclo, Aquiles voltou à batalha e matou diversos homens à procura de Heitor. Quando finalmente o encontrou, Aquiles matou com um único golpe no pescoço, amarrou o corpo em seu carro e o arrastou pelo campo de batalha por nove dias.
Páris posteriormente acertou uma flecha envenenada em seu calcanhar, única parte vulnerável de Aquiles, o matando e vingando a morte de seu irmão Heitor.

Após o episódio os gregos embarcaram em seus navios e deixaram na praia um enorme cavalo de madeira, que os troianos decidiram levar para o interior de sua cidade, como símbolo de sua vitória. À noite, enquanto todos dormiam, os soldados gregos, que haviam se escondiam dentro da estrutura oca de madeira do cavalo, saíram e abriram os portões para que todo o exército que havia retornado a praia invadisse a cidade.

Apanhados de surpresa, os troianos foram vencidos e a cidade incendiada. As mulheres foram escravizadas. O rei Príamo de Troia, Páris e a maioria dos homens foram mortos. E assim, Menelau recuperou sua esposa, Helena e levou-a de volta a Esparta.


Escolha por qual forma você deseja comentar: